10/03/2019

CAP pediu 150 mil reais a Prefeitura para disputar a série D do Brasileiro

Z/E/N

A diretoria do Clube Atlético Patrocinense define nesta segunda (11) se participa (ou não) da série D do Campeonato Brasileiro.

Informações dão conta de que dos cerca de R$ 500 mil necessários a disputa do torneio, a direção grená já tem arrecadados ou a arrecadar R$ 350 mil.

A diferença, R$ 150 mil, será (ou já foi) solicitada junto a prefeitura municipal de Patrocínio no melhor estilo ‘sinuca de bico’.

Caso o  prefeito Deiró Marra se negue a ‘colaborar’ com o projeto, o CAP vai anunciar a desistência, frustrando e magoando seus apaixonados torcedores (na maioria, eleitores).

A informação é a de que a vaga grená será ‘cedida’ a um time do norte/nordeste.

Isto, segundo fontes Times New Roman e Arial Bold Italic.