14/03/2019

Com licença para matar, mas consciência ambiental, 007 vai dirigir carro elétrico no próximo filme

Z/E/N

Aos poucos, até a indústria cinematográfica está indo de encontro a realidade do século 21, onde o aquecimento global e poluição desenfreada pela queima de combustíveis fósseis fazem bicicletas ganharem espaço e transformam os carros, cada vez mais, vilões.

Sendo assim, no próximo filme do agente 007, que por enquanto tem o nome de Bond 25 ( pois será o 25º filme da série) e ainda não começou a ser filmado, os fãs vão encontrar uma mensagem neste sentido.

Agora, o agente secreto com permissão para matar mas cheio de consciência ambiental vai dirigir um Aston Martin Rapide E, modelo elétrico da montadora britânica.

Somente 155 veículos do tipo serão fabricados no mundo. Cada um sai por 250 mil libras – mais de R$ 1,2 milhão. A marca anunciou o carro em setembro de 2018.