11/04/2019

Danilo Gentili é condenado a 6 meses de detenção por injúria contra deputada do PT

Z|E|N

A Justiça Federal em São Paulo condenou o humorista e apresentado do SBT, Danilo Gentili, a pena de seis meses e 28 dias de detenção pelo crime de injúria contra a deputada Maria do Rosário (PT-RS).

A sentença foi confirmada nesta quarta-feira (10) pela juíza federal Maria Isabel do Prado, em uma ação (queixa-crime) proposta pela parlamentar. Gentili poderá recorrer em liberdade.

Em 2016, Gentili publicou uma série de tuítes chamando a deputada de ‘falsa’, ‘cínica’ e ‘nojenta’.

Ao receber uma notificação extrajudicial pedindo que apagasse as mensagens, o humorista gravou vídeo rasgando o documento e colocando-o dentro das calças.