04/06/2019

Em noite de apagões, CAP perde e ‘embola’ grupo A11

Z|E|N

Não foi o dia, ou melhor, a noite do CAP.

Os dois apagões em uma das torres do sistema de iluminação do PAN – um antes do início do jogo e outro aos 12 do 1° tempo – podem ter contribuído para tirar o foco e a concentração do time grená.

Para piorar, a equipe de Thiago Oliveira encontrou do outro lado um Anapolina bem postado, que valorizava a posse de bola e era agudo nos contra ataques, dando trabalho ao goleiro grená.

A Xata (como é chamada pelos torcedores goianos) controlou o jogo no primeiro tempo e o CAP pouco incomodou o goleiro adversário.

A rigor, apenas uma chance de gol para o time grená. Mas Luiz Fernando foi preciosista, quis fazer um golaço e a bola, caprichosa, desviou no zagueiro e saiu pela linha de fundo.

Na volta do segundo tempo, o CAP abandonou a técnica e aderiu ao sistema ‘bumba meu boi’.

A bola, pouco chegava aos pés de Luiz Fernando, responsável pela articulação das jogadas.

A partida ficou pobre tecnicamente, o que agradou o time adversário, comandado por Waldemar Lemos, irmão de Oswaldo de Oliveira.

Ao 32″, numa jogada bem trabalhada que começou ainda no campo de defesa do Anapolina (com direito a ‘chapeuzinho’ e tudo mais – veja o vídeo abaixo), o lateral Romarinho cruzou para Dé cabecear para o chão, sem defesa para Cleysson.

O CAP bem que tentou pressionar no finalzinho da partida mas nada que exigisse intervenções agudas do goleiro da Anapolina.

A derrota do Patrocinense em casa embolou o grupo A11.

O Anapolina tem 8 pontos; CAP e União de Rondonópolis têm 7 e o Operário, 5 pontos.

Tudo ficou para a última rodada.