• IWEBIX Content Slider

    • Presidente diz que ‘um site patrocinado pela prefeitura’ fala mal da Câmara
      17/10/2018 - 9:07:47


       

      O presidente da Câmara de Patrocínio, iniciou a ordinária de ontem, terça-feira (16), dizendo que ‘existe um site na cidade patrocinado pela prefeitura falando mal da Câmara Municipal.’

       

      Não, meu jovem… Você está completamente equivocado!!!

       

      Não é apenas ‘um site da cidade patrocinado pela prefeitura’ que está falando mal da Câmara não…

       

      É a população rangeliana, é a mãe de família, o pai de família, é o empresário, o gari, o produtor rural, o lojista, o professor, o taxista, o representante comercial, o carteiro, o frentista, o guarda noturno, o entregador de pizza…

       

      É o eleitor patrocinense, cidade e zona rural, que está indignado, revoltado, decepcionado com o que anda acontecendo na (outrora) Egrégia e Augusta Casa de Leis rangeliana.

       

      ‘É necessário fazer um mea culpa’ – Gomes, Cid

       


    • Joel de Carvalho cresce na bolsa de apostas como novo presidente da Câmara
      17/10/2018 - 7:37:02


       

      Z/E/N

       

      Há um movimento na Casa de Leis rangeliana buscando consolidar a candidatura do vereador Joel de Carvalho a presidência da Casa de Leis.

       

      Segundo informações colhidas pelo MAISUMONLINE, Após a desistência de Marcilene — e a informação de que legalmente a dra Neusa Mendes teria que abrir mão de continuar advogando para comandar o Legislativo — o nome de Joel ganhou capilaridade, cresceu na bolsa de apostas políticas mel rangeliana.

       

      O vereador do PP, em tese, também teria um impedimento legal em lançar seu nome, visto que é o atual presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Patrocínio.

       

      Porém, uma fonte quente e sulfurosa  informou ao MUOL que este ‘impedimento estatutário’ está em vias de ser sanado. Caso a informação seja procedente, Joel estará apto a se candidatar.

       

      Nos bastidores da Casa de Leis, a informação é de que a candidatura de Joel de Carvalho a presidência da CMP já teria o apoio declarado de mais 5 vereadores. Um dos fatores que solidificam o seu nome junto aos pares é que Joel já anunciou que não será mais candidato a vereador, ou seja, os atuais vereadores não teriam a concorrência direta do presidente da Casa de Leis na próxima eleição e quer ‘fechar com chave de ouro’ sua passagem pelo Legislativo.

       

      Vereador de 4 mandatos, Joel tem o perfil tranquilo, agregador e pacificador. Aos 53 anos, é muito querido tanto na zona rural do município quanto no SRP, onde comanda mais de 100 funcionários e tem a amizade e a confiança dos 12 diretores/conselheiros.

       

      Vamos aguardar os acontecimentos..!

       

       


    • Em ‘carta aberta’ ACIP/CDL agradecem ações pelo funcionamento do Aeroporto
      17/10/2018 - 6:10:59


       

       

      Em ‘carta aberta’ endereçada ao prefeito Deiró Marra, diretores da ACIP/CDL fazem um agradecimento público ao chefe do Executivo rangeliano pelas ações que culminaram com o efetivo funcionamento do Aeroporto Municipal.

       

      O texto enfatiza que “Deiró Marra, à época deputado estadual, se mostrou altamente comprometido com a causa e usou de sua influência como parlamentar para intermediar as ações do Governo de Minas em prol da obtenção dos recursos, realização das obras e implantação dos voos.”

       

      Em seguida, a missiva menciona o trabalho do prefeito na implantação do ‘Voe Minas’ em Patrocínio, “conquista de extrema importância para o município, pois os voos (com valores acessíveis por serem subsidiados pelo programa) têm atingido a média de passageiros necessários para sua continuidade, fazendo a diferença principalmente para quem necessita fazer negócios em outras cidades mineiras.”

       

      Veja, abaixo, o inteiro teor da ‘Carta Aberta’ das ACIP/CDL enviada ao prefeito.

       

      CARTA ABERTA DAS ACIP/CDL EM AGRADECIMENTO AO PREFEITO DEIRÓ MARRA

       

      Vivemos um tempo de acirramento da concorrência que não fica restrita a empresas lutando pelos clientes, mas que vai muito além: as cidades precisam travar verdadeiras batalhas para manter ou trazer para dentro de suas fronteiras grandes empreendimentos que geram empregos e renda, melhorando a condição de vida de seus moradores.

       

      Para que essas conquistas sejam obtidas é necessário que os municípios tenham a estrutura necessária para oferecer. Com uma posição visionária, as ACIP/CDL, ao lado de outras instituições, lutaram por anos para conquistar para Patrocínio um aeroporto com as condições adequadas e voos comerciais regulares.

       

      Mas, uma batalha desse porte não se trava sozinho. Portanto, hoje é dia de agradecer ao prefeito de Patrocínio Deiró Marra pelo enorme empenho para que esse sonho se tornasse realidade.

       

      Desde 2013, quando a diretoria das ACIP/CDL encabeçada pelos ex-presidentes Marcos Valério Jacinto e Maurício da Cunha iniciou um movimento pela reforma, ampliação e voos regulares para o Aeroporto Municipal de Patrocínio, Deiró Marra, à época deputado estadual, se mostrou altamente comprometido com a causa e usou de sua influência como parlamentar para intermediar as ações do Governo de Minas em prol da obtenção dos recursos, realização das obras e implantação dos voos.

       

      Os anos se passaram e neste 2018, já sob nosso mandato e com Deiró Marra como prefeito veio a concretização daquele ousado plano de cinco anos atrás e o novo aeroporto finalmente passou a receber voos regulares, no dia 20 de agosto. Através do programa Voe Minas Gerais, Patrocínio passou a contar com voos para Belo Horizonte, Patos de Minas, Araxá e Paracatu.

       

      Esta é uma conquista de extrema importância para o município, pois os voos (com valores acessíveis por serem subsidiados pelo programa) têm atingido a média de passageiros necessários para sua continuidade, fazendo a diferença principalmente para quem necessita fazer negócios em outras cidades mineiras. De acordo com a Assessoria de Comunicação da Codemge, os voos do Voe Minas Gerais, Projeto de Integração Regional – Modal Aéreo, com origem em Patrocínio, em dois meses de funcionamento, alcançaram taxa média de ocupação de 43%. No mesmo período, com destino ao município e partindo de Belo Horizonte, os voos apresentaram taxa de ocupação média de 34%.

       

      Desta forma, publicamente as ACIP/CDL agradecem ao prefeito Deiró Marra pelo comprometimento com esta causa, demonstrando sua preocupação com os anseios da comunidade, dedicando esforço para fazer de nossa economia ainda mais pujante colaborando com o desenvolvimento e progresso desta cidade que tanto amamos chamada Patrocínio.

       

      Muito obrigado, prefeito Deiró.

       

      Aldo Cândido Roriz Junior

      Presidente da ACIP

       

      Cezar dos Reis

      Presidente da CDL

       

       

       

       


    • Dentre os poucos eleitos da região, Greyce é paparicada pela imprensa do Triângulo
      17/10/2018 - 6:00:08


       

      Z/E/N

       

      Greyce Elias vem desfilando com desenvoltura e eloquência pelas principais emissoras de rádio e TV da região.

       

      O motivo, a deputada federal patrocinense figura no seleto (seleto mesmo) rol de representantes eleitos do Triângulo e Alto Paranaíba na Câmara Federal.

       

      Além dela, aqui na vizinhança, apenas André Janones (Ituiutaba) e Weliton Prado (Uberlândia) e Zé Vitor (Araguari) e Franco Cartafina (Uberaba) conseguiram se eleger.

       

      Em verdade, é verdade, tem mesmo que ser recebida com tapete vermelho…

       

       

       


    • Kakay, defensor dos famosos e poderosos, se declara contra Bolsonaro
      16/10/2018 - 8:05:07


       

      Z|E|N

       

      O advogado patense Antonio Carlos de Almeida Castro, ou Kakay, como é conhecido no meio, divulgou na segunda-feira (15) uma mensagem em que declara ser contrário ao candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro.

       

      Pra quem não sabe, Kakay é um respeitado criminalista com mais de 200 clientes.

       

      Famoso em Brasília pelo estilo midiático, pela boa vida e pela vaidade confessa, Kakay defende famosos e poderosos, a grande maioria envolvida em algum tipo de falcatrua, como escândalos de corrupção e lavagem de dinheiro.

       

      O patense, por exemplo, é advogado de Marconi Perillo, ex-governador de Goiás que chegou a ser preso no início do mês e teve seus bens bloqueados. Já defendeu Lula, Dilma, Fernando Henrique Cardoso, Carolina Dieckman, Roberto Carlos, Duda Mendonça e os irmãos Joesley e Wesley Batista, além das empreiteiras Andrade Gutierrez e Odebrecht.

       

      O patense é considerado um ‘mito’ no mundo da advocacia.

       

       


    • Governo Federal muda de novo e Horário de Verão começa dia 4 de novembro
      16/10/2018 - 7:28:35


       

      O Palácio do Planalto informou nesta segunda (15) que não haverá adiamento do início do horário de verão.

       

      O governo decidiu manter a data de 4 de novembro, relata o G1.

       

      No início deste mês, o Planalto chegou a comunicar a decisão de adiar o início do horário de verão para 18 de novembro, a pedido do Ministério da Educação.

       

      O MEC queria evitar problemas para os estudantes que farão o Enem, cuja primeira prova está marcada para 4 de novembro.

       

       


    • Marcilene descarta presidência: Câmara vive hoje uma abstinência de equilíbrio
      16/10/2018 - 6:02:14


       

      Z|E|N

       

      No jornal da Módulo desta segunda (15), a vereadora Marcilene Jacinto (PHS) revelou não ter pretensões de ser candidata a presidente da Casa de Leis rangeliana.

       

      “Acabei de sair de uma eleição muito intensa. E não tenho vaidade nenhuma em disputar o cargo. O grupo tem outros nomes de competência comprovada. Eu acredito que por ser mulher sensível, ter um posicionamento bem definido e um conhecimento muito grande do funcionamento da Câmara creio que a dra Neusa seja a pessoa indicada para ocupar a presidência.” — pontuou.

       

      ABSTINÊNCIA DE EQUILÍBRIO

      “A nossa Câmara passa atualmente por uma abstinência de equilíbrio. Está descoordenada, descontrolada. Por onde eu andei durante a campanha o povo me abordava questionando o comportamento dos vereadores, que se perdem em ofensas e críticas pessoais e não trabalham pelo povo. As reuniões da Câmara hoje são improdutivas.” — lamentou.

       

      VOTAÇÃO NÃO INVIABILIZOU GUSTAVO

      Falando ao radialista, apresentador e digital influencer  Jânio Lucco, Marcilene usou a boa e velha matemática para derrubar a tese de que a sua candidatura teria ‘inviabilizado completamente’ a eleição de Gustavo Brasileiro.

       

      “O coeficiente eleitoral do meu partido (PHS) exigia algo em torno de 25 mil votos para a eleição, enquanto a coligação que o Gustavo Brasileiro participava pedia 50 mil votos.”

       

      “Então a votação que tive nem de longe atrapalhou ou influenciou na eleição do Gustavo. Ele obteve 28.997 votos no total, ou seja, precisou de mais 21 mil votos para ser eleito. E eu recebi em Patrocínio pouco mais de 10 mil votos.” — observou a vereadora do PHS.

       

      Gustavo Brasileiro é o primeiro suplente da sua Coligação. Marcilene Jacinto figura no 165° lugar em número de votos para deputado estadual em MG.

       

       


    • Ibope: Bolsonaro tem 59% dos votos válidos contra 41% de Haddad
      16/10/2018 - 5:58:18


       

      O cenário que se desenhou no primeiro turno das eleições presidenciais se repete na primeira pesquisa Ibope realizada para o segundo turno.

       

      Jair Bolsonaro (PSL) aparece com boa vantagem à frente, com 59% dos votos válidos, enquanto Fernando Haddad (PT) tem apenas 41%.

       

      Levando-se em consideração os votos brancos e nulos, que somados foram 9%, Bolsonaro fica com 52%, contra 37% de Haddad. Outros 2% não souberam opinar.

       

      O petista Fernando Haddad é o que tem mais rejeição, com o índice batendo na casa dos 47%, contra 28% de eleitores que vão votar no petista com certeza.

       

      O levantamento realizado pelo instituto de pesquisa foi encomendado pela Rede Globo e pelo Estadão, e ouviu 2506 pessoas de todo o Brasil entre os dias 13 e 15 de outubro.

       

      O nível de confiança é de 95% e a margem de erro máxima considerada é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O registro na Justiça Eleitoral foi feito sob o protocolo Nº BR-01112/2018.

       

       

       

       


    • Corrida à prefeitura tem início e oposição qualifica os nomes para vice-prefeito
      16/10/2018 - 5:00:05


       

      Z|E|N

       

      Fred Elias, da Acarpa, é um dos nomes cotados para figurar como vice-prefeito da chapa capitaneada por Gustavo Brasileiro e apoiada ipsis literis, in totum, pelo G23 visando as eleições 2020.

       

      Predicados não lhe faltam. Arrojado, carismático e dinâmico, o filho do dr. Elias Abrão Neto e da dona Marta Elias ainda tem a vantagem de ser irmão da deputada federal Greyce Elias, que até lá deve ter muito trabalho pra mostrar.

       

      Outro nome cotado para ser vice do jovem Brasileiro é a ex-vereadora Marly Ávila. Uma mulher competente, dinâmica, com uma respeitável folha de trabalhos prestada a comunidade, notadamente junto as camadas mais pobres da sociedade. Isso pesa e muito!

       

      Em tempo, é bom reforçar que o nome do cafeicultor e atual presidente do Sindicato Rural, Osmar Pereira Júnior, o Juninho, também foi citado na lista. Juninho, contudo, está envolvido num arrojado projeto de qualificar o café produzido no município, criando a marca ‘Café de Patrocínio’.

       

      Mas seu nome ainda não foi totalmente descartado pelos coordenadores políticos.

       

      Vamos aguardar os acontecimentos..!

       

       


    • Analistas defendem que Câmara deve ser presidida por vereador mais experiente
      16/10/2018 - 4:24:32


       

      Z|E|N

       

      Depois dos últimos acontecimentos envolvendo a Câmara Municipal, alguns analistas políticos locais consultados pelo MAISUMONLINE defendem uma tese interessante, arrojada, mas do ponto de vista legal (e até democrático), inviável… A exigência de uma idade mínima (45 anos) aos postulantes ao cargo de presidente da Egrégia e Augusta Casa de Leis rangeliana.

       

      E a justificativa é bem fundamentada…

       

      É que com uma idade mais avançada o político já passou por muitas experiências tanto na vida pública quanto na pessoal. Reconhece e sabe como funcionam as manipulações e as ingerências. Tem a perspicácia para detectar a hora de avançar e de recuar. Conhece o tempo de contemporizar, de usar do bom senso e da retórica para regular os debates agressivos que (sempre) permeiam as reuniões. Prefere sempre o diálogo ao embate.

       

      “A juventude precisa e deve sim participar da política de uma forma mais direta, como está fazendo. Mas é preciso se preparar para tal. Atualmente, a maioria acha que já nasceu sabendo. Poucos reconhecem que precisam aprender a corrigir seus arroubos e impulsos juvenis para não colocar uma instituição tão importante quanto a Câmara em situação desgastante frente aos que mais necessitam de sua atuação, o povo.” — argumentam.

       

      Para efeito de registro, é bom lembrar que dos últimos 10 presidentes que passaram pela Casa de Leis rangeliana, 8 deles tinham algo em torno de 45 anos (ou mais) quando foram eleitos ao cargo. Relembre…

       

      Marly Ávila (2015/2016); Alberto Sanarelli Júnior (2011/2012); Humberto Donizete – Bebé (2009/2010); Carlos Ibrahim (2007/2008); Alcides Dornelas (2005/2006); Silvério Almeida (2003/2004); Joaquim Morato (2001/2002); dr. Guilherme Queiroz (1999/2000).

       

       


    • Gustavo é imaturo, mal informado e mal agradecido, diz Deiró na Difusora
      15/10/2018 - 11:53:00


       

      Z|E|N

       

      O prefeito Deiró Marra usou dos microfones do ‘Show da Manhã’, atração matutina comandada por Carlinhos Bill na Difusora 95, para rebater as declarações do vice-prefeito Gustavo Brasileiro sobre a ‘possível’ devolução do dinheiro para o construção do Pronto Socorro.

       

      Antes, Deiró explicou novamente — de novo e outra vez — todo o processo que culminou com a indicação de Gustavo como seu vice e teceu comentários contundentes sobre a atual ‘postura crítica’ do jovem vice-prefeito. A entrevista aconteceu no final da manhã desta segunda (15).

       

      GUSTAVO ROEU A CORDA

      “Nós disputamos uma campanha, prefeito e vice-prefeito, com um projeto político. Era natural que o vice-prefeito pudesse nos acompanhar, ficar ao nosso lado até o 31 de Dezembro de 2020. Nós tivemos esta conversa. Nós havíamos combinado dentro do nosso grupo político, inclusive porque a vinda de Gustavo como vice-prefeito foi pelas mãos do Silas. O grupo fez então o compromisso de que houvesse o apoio a eleição dele (Silas) e a eleição de um candidato a deputado estadual que o PSB (partido de Deiró) pudesse indicar.”

       

      SOBRE O ANÚNCIO DE QUE GUSTAVO SERÁ CANDIDATO A PREFEITO

      “Agora ele demonstra essa imaturidade. Ele foi escolhido para ser vice com o único objetivo de fazer uma composição de chapa com Silas (PMDB). Por isso nós entendemos da necessidade de colocá-lo como vice. Aí depois veio esse pleito dele de ser candidato a deputado estadual passando por cima de todos os demais pretensos candidatos que nosso grupo tinha. Agora, para nossa surpresa, já quer ser o candidato a prefeito. Se coloca como candidato a prefeito para 2020, com o apoio do grupo que nos combatemos nas eleições de 2016. Isso mostra realmente a sua falta de experiência, a falta de sensibilidade política. Tem uma coisa na política que a gente tem que ter é gratidão. Nós apoiamos o Silas por gratidão! Pois nós recebemos o apoio dele em 2012 e 2016. Seria uma injustiça de minha parte não apoiá-lo.”

       

      POLÍTICA DO BEM É A NOSSA, QUE É AÇÃO, NÃO É DISCURSO

      “Política do Bem é exatamente a que nós fazemos. É fazer asfalto aonde não tinha asfalto há mais de 30 anos. E fazer ponte onde não existia há mais de 25 anos. É fazer uma hemodiálise como eu fiz aí, é demostrar respeito ao adquirir e disponibilizar os ônibus dos pacientes para Barretos. Fazer novas escolas como nós estamos fazendo. É arrumar novas especialidades médicas. Política do bem é saber respeitar as pessoas e saber, principalmente, respeitar os adversários. Posso ter muitos defeitos, como tenho na minha vida pública, mas você (Carlinhos Bill, da Difusora) nunca viu ou ouviu aqui na rádio eu desacatar ou denegrir, falar mal de adversário.”

       

      GUSTAVO, INGRATO

      “Patrocínio não cresce nunca com esse tipo de política. É preciso aprender que política se faz realmente com gratidão por pessoas. Ele (Gustavo) disse que conseguiu o recurso para Santa Casa… tudo bem. Ajudou através do Leonardo Quintão, eu reconheço… Mas cadê os votos que ele deveria, responsavelmente, buscar para o Leonardo Quintão aqui em Patrocínio para que pudesse ajudar na eleição do deputado que o ajudou, mas foi derrotado? Derrotado, infelizmente, pela votação pífia que recebeu em Patrocínio, onde não teve respaldo. Isso não é ter responsabilidade na vida pública.”

       

      SOBRE A POSSÍVEL DEVOLUÇÃO DO DINHEIRO DO PRONTO SOCORRO: FAKE NEWS!

      “Quero deixar claro o seguinte. Ele (Gustavo) está mais uma vez mal informado. Mal informado do ponto de vista de conhecimento do que é gestão pública. E não preciso nem de fazer muita defesa aqui não pois que quem leu a matéria do Eustáquio Amaral sabe da resposta.”

       

      Leia aqui a matéria ‘Eustáquio Amaral desmente informação de Gustavo sobre devolução de recursos do Pronto Socorro’

       

      Para quem não sabe, o patrocinense Eustáquio Amaral foi Superintendente de Planejamento e Finanças na Secretaria de Estado da Saúde nos 12 anos que o PSDB comandou o governo mineiro e o que mais envidou esforços para que essa verba fosse liberada.

       

      CANDIDATURA DE THIAGO ERA INVIÁVEL

      “O vice-prefeito fez uma campanha suicida. A legenda dele gastava mais de 50 mil votos para ser eleito. Quando nós pedimos ao Thiago que não saísse candidato pelo PMB, que fez coligação com o Patriotas, foi porque nós tínhamos a certeza de que era impossível conseguir. E foi provado isso, né!”

       

      SOBRE O NÃO ATENDIMENTO AOS PEDIDOS DO THIAGO

      “Os pleitos do Thiago sempre serão atendidos. Eu acho que o sentimento de grupo dele é grande e eu vejo o seguinte, eu tenho certeza de que agora, com a poeira serenando, as águas baixando, o Thiago vai ver que nós tínhamos razão quando nós falamos da questão da legenda. E nós provamos a verdade. Que o PHS precisava de 25 mil votos, ou seja, se ele (Thiago) tivesse saído do PMB nós teríamos hoje o nosso deputado estadual, pois com certeza votação do Thiago seria magnífica aqui em Patrocínio. O Thiago é do nosso lado, é do nosso grupo político é meu amigo pessoal e eu acredito que não é capaz de falar uma vírgula mal de mim.” — Finalizou Deiró Marra.

       

       


    • Ataque! Anastasia corre contra o tempo para reverter rejeição de 52,2%
      15/10/2018 - 10:14:06


       

      Com tempo escasso para fazer viagens e participar de eventos presenciais, o candidato do PSDB ao governo de Minas,  senador Antonio Anastasia aposta na TV e nas redes sociais para reverter uma rejeição de 52,2%, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Paraná, divulgada no último dia 12.

       

      Usando como mote ‘o risco de eleger um gestor sem experiência no setor público para governar Minas Gerais neste momento de grave crise econômica e déficit superior a R$ 20 bilhões’ o Senador tucano afirmou, contudo, que a estratégia não tem como base desconstruir a imagem de seu adversário, Romeu Zema, do Novo, líder nas pesquisas de intenção de voto.

       

      “Vamos demonstrar que as nossas propostas são mais adequadas para a reconstrução de Minas Gerais e que há  diferença entre o que é administrar uma empresa privada e um Estado”, afirmou em entrevista concedida neste sábado (13).

       

      Anastasia disse, ainda, que os planos do candidato do Novo são “fora da nossa realidade, com privatização generalizada, o que não encontra eco nos anseios dos mineiros” — diz matéria do jornal Hoje em Dia.