14/01/2007

PASSOU

Não no que passou entre sorrisos e alegrias, sofrimentos e lágrimas, esperanças e realizações,
Passou!…Aí desponta o Ano Novo.
Trocou-se as felicitações com esperanças de um feliz Ano Novo. Passou à luz orientadora de todas as pessoas em todos os caminhos, quebrando todas as mascaras do egoísmo, rasgando todas as fantasias da mentira.
O maior obstáculo á vitória do amor é exatamente o egoísmo o poderoso egoísmo arraigado no coração do homem. O egoísmo não gosta de ninguém a não ser de si mesmo exageradamente.
O Ano Novo desponta como esperança nova diante de todos. Haja disposição na alma de cada um, aquela boa vontade de viver e vencer.
Bem. Se o Natal passou, passaram também as bolinhas coloridas, enfeites coloridos, mesa farta, roupa nova na loucura de tantos corações, ávidos de presentes e presenças, corações que desprezam o melhor presente do céu.
Venha a minha frente aquela estrela que brilha no silêncio daquela meia noite, misteriosamente, deixou-nos a Fé que nos salva e dá coragem de viver. Aos leitores um feliz ano novo!
Um abraço carinhoso…
Paz… muita paz.