16/07/2019

Vale | R$ 400 milhões por dano moral coletivo em Brumadinho

Z|E|N

A Vale pagará, em 6 de agosto, 400 milhões de reais em dano moral coletivo causado a trabalhadores devido ao rompimento de barragem em Brumadinho (MG), em 25 de janeiro.

O acordo foi homologado pela 5ª Vara do Trabalho de Betim nesta (15).

Segundo o Ministério Público do Trabalho, cônjuge, filhos e pais vão receber 700 mil reais, individualmente, a título de dano moral mais seguro adicional por acidente de trabalho.

Já os irmãos de trabalhadores falecidos receberão individualmente 150 mil reais por dano moral. Para reparar o dano material, com a restauração da renda mensal das famílias de trabalhadores falecidos, o dependente do falecido receberá pensão mensal vitalícia até 75 anos, que é a expectativa de vida de um brasileiro, segundo o IBGE.

O colapso da estrutura atingiu áreas administrativas da Vale e um refeitório na hora do almoço, soterrando centenas de trabalhadores, no maior acidente de trabalho já registrado no país.

Até o momento, foram confirmadas 248 mortes, a grande maioria de funcionários da mineradora.