27/01/2014

ACIP/CDL mostra crescimento econômico da cidade em dados

Números levantados pela diretoria da Associação Comercial e Industrial e Câmara de Dirigentes Lojistas de Patrocínio demonstram um claro crescimento econômico comercial da cidade.

Nos últimos três anos foram abertas 700 novas pequenas e médias empresas. Os números e a previsão de crescimento foram apresentados durante reunião da diretoria que entregou o cargo no dia 22.

Natal

Mesmo com alguns aspectos negativos, como juros em alta e o baixo preço do café – que querendo ou não afeta a movimentação comercial da cidade -, as vendas durante a campanha “Natal de Luz” de 2013 apresentaram um crescimento entre 6 a 7%.

Segundo o ex-presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas e hoje integrante do Conselho Fiscal, Maurício Cunha, o resultado superou a média nacional. “As entidades do país tinha uma estimativa de crescimento entre 8 a 12%, mas as vendas das festas de final de ano ficaram estagnadas em 2,8% em nível nacional, bem abaixo do previsto”, afirma.

Espaço

Para Maurício Cunha a cidade apresentando uma grande demanda para amplo crescimento dos setores comercial, prestação de serviço e industrial. “Ainda temos muito a ser explorado”, diz o empresário.

Dados levantados demonstram que nos últimos três anos, 700 pequenas e médias empresas, com uma média de 250 ao ano. “Estamos em uma localização estratégica, com importantes vias de acesso aos principais centros econômicos do país e isso nos favorece em muitos aspectos”, determina.

Ele acredita que com a ampliação do Aeroporto Municipal o município terá o impulso necessário para o crescimento industrial tanto esperado, que vai propiciar a criação de novos empregos, criando e gerando novos impostos para os cofres públicos municipais. “Os empresários e empreendedores da cidade o que chegaram há pouco, devem estar atentos à formação de mão de obra especializada que podemos perceber, falta na cidade”, salienta.

(L.S. Produções / MAISUMONLINE)