08/03/2010

Associação Defensora dos Animais vai desenvolver ‘trabalho paralelo’ no Canil Municipal

O problema dos cães vadios soltos nas ruas da cidade continua a incomodar a sociedade mel rangeliana. Entra ano e sai ano e nenhuma ação efetiva do setor de Zoonoses do governo 23 foi desencadeada para solucionar o problema.

Em 2009, em entrevista à Rádio Difusora, a presidente da ADA – Associação Defensora dos Animais -, Michele Pelaquim, disse que o governo 23 estaria com a intenção de passar a administração do Canil Municipal para a entidade, porém, nada aconteceu.

Há tempos o Canil Municipal não funciona a contento (aliás, nunca funcionou!). Sabe-se que no local está lotado apenas e tão somente um funcionário que comprovadamente não consegue cuidar e nem solucionar a situação dos diversos animais soltos nas ruas da cidade. Enquanto isso o problema cresce em números alarmantes na cidade.

Recentemente, o jornalismo da Difusora procurou de novo, novamente e outra vez a presidente da ADA. Michele informou que o tempo passou, passou o tempo e que até agora nada foi feito. Segundo ela os membros da Associação decidiram foi fazer um trabalho voluntário dentro do canil municipal.

“Nós vamos levantar um valor junto à comunidade para a construção de uma clinica veterinária em uma ala do canil, para fazer as cirurgias de castração, visando a diminuir a quantidade de cães soltos hoje nas ruas” afirmou Michele ao jornalismo da Difusora.

Ainda de acordo com a presidente, haverá uma reunião (e como o governo 23 adora uma reunião) com o secretário municipal de Saúde ainda nesta semana para resolver de vez a situação. O MAISUMONLINE até aposta: Nada vai ser resolvido..!