24/02/2014

Deiró ataca imprensa local e atinge jornal ‘O Estado de Minas’

O deputado estadual Deiró Marra foi o entrevistado desta segunda-feira (24), no Jornal da Módulo FM.

O ponto alto do bate-papo foi quando o parlamentar patrocinense – em tom de desabafo e sem citar nomes -, chamou ‘alguns veículos da imprensa local’ de ‘fofoqueiros’.

Isto porque, segundo ele, “Estes tais veículos de comunicação insistem em divulgar que ele (Deiró) corre o risco de não se eleger a mais um mandato na ALMG.”

Não vamos aqui dizer que o parlamentar patrocinense foi agressivo ou mal intencionado com estes veículos da mídia local. Não! Digamos que ele está (ou é) mal informado.

Os ‘veículos da imprensa local’ citados genericamente por DD apenas repercutiram o que a imprensa mineira – ou, melhor dizendo, o jornal Estado de Minas e a abalizada e respeitada colunista política Bertha Maakaroun, que acompanham pari passu, in totum a movimentação política em MG – está publicando.

Vamos recordar… Afinal, recordar é viver!

Em outubro do ano passado, o respeitado ‘grande jornal dos mineiros’ escreveu que a
Executiva Estadual do PR já teria calculado o quociente eleitoral a ser atingido pelo partido com vistas a uma cadeira na ALMG para o ano de 2014: 142 mil votos.

Ou seja, todos os candidatos a deputado estadual pelo PR deverão somar mais de 142 mil votos para que o partido eleja 01 (um) candidato. Simples assim! Só para efeito de registro, em 2010 o PR passou um aperto danado para atingir o coeficiente necessário para eleger apenas um candidato, que foi Deiró Marra.

Sempre na primeira pessoa

Na entrevista, ‘audivelmente’ transtornado, DD fez questão de registrar que agora tudo será diferente pois o PR deverá eleger este ano “de cinco a seis” deputado estaduais. Sempre falando na primeira pessoa – como lhe é peculiar e inerente -, Deiró complementou, “Fui EU que montei essa chapa, fui EU que convidei essas lideranças para estarem ao MEU lado nestas eleições. EU e o Zé Santana, que é MEU amigo pessoal. E podem escrever aí… EU serei o mais votado da chapa!” – sentenciou.

Em sua coluna do dia 5 de janeiro deste ano, a colunista Bertha Maakaroun escreveu, “A chapa proporcional do PR para a Assembléia Legislativa Mineira já tem 65 candidatos, cerca de 20 deles com pelo menos 30 mil votos. Há 10 ex-prefeitos entre eles. Danuza Bias Fortes, que foi prefeita de Barbacena pelo PMDB entre 2009/2012 e Ademir Lucas, que foi prefeito de Contagem duas vezes, a última entre 2001/2005, pelo PSDB.” Notem: O nome de Deiró sequer foi citado.

Também figuram no PR os nomes de Gustavo de Vasconcelos, filho do ex-deputado federal Zé Santana; José Orlando Vieira, o Tuta, suplente de DD neste mandato e o jovem Wagner do Nascimento Júnior, filho do emblemático prefeito Uberabense ‘Fuscão Preto’. Wagner Júnior chega ao partido sob as bênçãos do secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Nárcio Rodrigues (PSDB) e do secretário de Governo Danilo de Castro.

É bom lembrar que em 2010 Deiró Marra obteve 36. 527 votos em toda Minas Gerais. Em Patrocínio, o parlamentar alcançou 15.029 votos. Segundo analistas da política local, regional e estadual, DD terá que dobrar esta votação para garantir sua cadeira na ALMG a partir de 2015.

Em tempo… Clique AQUI e AQUI para entender melhor este imbróglio.