10/07/2014

Dengue não tratada pode levar a morte, afirma especialista

A Vigilância epidemiológica municipal de Patrocínio garante que o problema da dengue na cidade está plenamente controlado, mas adianta que a população deve ficar atenta para que não haja proliferação do mosquito transmissor.

Segundo o coordenador do setor Gilberto Miranda Jr., a dengue é uma doença infecciosa febril aguda causada por um vírus e é transmitida através do mosquito Aedes aegypti, também infectado pelo vírus.

Atualmente, a dengue é considerada um dos principais problemas de saúde pública de todo o mundo. Em todo o mundo, existem quatro tipos de dengue e no Brasil, já foram encontrados os tipos 1, 2 e 3. A dengue de tipo 4 foi identificada apenas na Costa Rica e se não cuidada a tempo, pode provocar a morte da pessoa, como explica Gilberto.

A Síndrome de Choque da Dengue é a mais séria apresentação da dengue e se caracteriza por uma grande queda ou ausência de pressão arterial. A pessoa acometida pela doença apresenta um pulso quase imperceptível, inquietação, palidez e perda de consciência.

Neste tipo de apresentação da doença, há registros de várias complicações, como alterações neurológicas, problemas cardiorrespiratórios, insuficiência hepática, hemorragia digestiva e derrame pleural.

(Luiz Cabral/Difusora)