08/04/2020

Em menos de 4 anos, Gustavo gravitou por 5 partidos políticos

Z|E|N
Segundo fontes, o vice candidato a prefeito Gustavo Brasileiro deve deixar (se já não deixou) o PMDB para disputar as Eleições Municipais pelo PSD55.

A avaliação do núcleo de inteligência da oposição é bem simples. Com ele, os ‘votos de legenda’ recebidos seriam decisivos para a possível eleição de mais um vereador.

O histórico partidário de Gustavo Brasileiro é bem vasto, principalmente se analisarmos o pouco tempo que o jovem filho do Revdo Roberto Brasileiro tem na política rangeliana.

Elegeu-se vice-prefeito pelo PMDB em 2016, foi candidato a Deputado estadual pelo Patriotas 51 (2018), protagonizou uma uma passagem rápida pelo PSB40, voltou a se filiar no PMDB e, agora, deve disputar o pleito no partido presidido por Márcio Oliveira (DNA).

Numa avaliação fria, o PSD55 tem como ‘carros chefe’ para as eleições de 4 de outubro o vereador Panxita, Maria do Carmo (Auto Escola), a digital influencer Aline Alves, a acadêmica em Direito Helen Soares e o ex-vice-prefeito Eduardo Arantes.