22/10/2010

Em setembro, café teve preço médio de R$ 328,23 em Minas Gerais

Os preços do café arábica mantiveram o ritmo de valorização ao longo de setembro, alcançando a terceira maior média mensal registrada desde 1996. A informação é do Diário do Comércio.

Segundo a publicação, a média de preços para o produto em Minas Gerais foi de R$ 328,23 a saca de 60 quilos. O valor ficou 4,6% maior que a média obtida em agosto. Os dados são do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada). Já na Bolsa de Nova York, os contratos futuros com vencimento em dezembro fecharam setembro a 182,90 centavos de dólar por libra-peso, avanço de 0,5% em relação ao dia 1º de setembro.

Para o presidente da Comissão Nacional do Café da CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil), Breno Mesquita, devido à perspectiva de menor produção do grão na próxima safra com a bienalidade negativa dos cafezais, a tendência é que os preços do café continuem nos patamares atuais, o que já é suficiente para cobrir os custos de grande parte dos produtores.

“Para que o produtor realmente tenha lucro com a produção é necessário que sejam criadas políticas para a formação de um preço rentável e sem variações negativas expressivas”, disse Mesquita.