25/04/2014

Prefeito diz ‘torcer’ para Cássio Remis ser candidato a deputado

Em recente entrevista a mídia local, o prefeito Lucas Siqueira disse estar aguardando o posicionamento do atual presidente da Câmara Municipal, o vereador Cássio Remis dos Santos, para definir quem vai apoiar a deputado estadual por Patrocínio.

O prefeito revelou estar ‘torcendo’ pela candidatura de Cássio, que tem mantido contatos diversos com lideranças regionais e estaduais para solidificar uma participação vitoriosa nas eleições de outubro deste ano.

No entanto, entretanto, ao ser questionado sobre a possibilidade, o atual chefe do Legislativo – que ostenta no currículo duas marcas históricas, a de vereador mais jovem eleito em Patrocínio e a de presidente mais jovem a comandar os destinos da Casa de Leis rangeliana – não confirma (mas também não desmente) a hipótese.

Ao comentar sobre o assunto, Cássio Remis se mostra honrado por ser sempre lembrado para disputar o cargo, mas deixa claro que ainda não existe um consenso em torno de seu nome, “Minha candidatura não depende de minha vontade. Eu sou diferente de muitos políticos que nós temos aqui, que agem mais pelo interesse pessoal e pelo poder financeiro do que em benefício da cidade.” – sintetiza.

Durval Ângelo

Recentemente, participando da cerimônia da entrega do ‘Mérito Legislativo’, o deputado estadual Durval Ângelo (PT) confirmou que vai apoiar a candidatura de Cássio Remis a deputado estadual por Patrocínio.

“Nós precisamos pensar nos jovens, na renovação da política. E o Cássio representa essa renovação. Vou ajudá-lo a ter votos em outras cidades. Quero coordenar pessoalmente a campanha dele.” afirmou Durval, do alto dos seus 5 mandatos na ALMG e dos seus mais de 120 mil votos recebidos em toda Minas Gerais.

Base governista na Câmara

Em março, a candidatura de Cássio Remis a deputado estadual por Patrocínio recebeu apoio dos 8 vereadores que fazem parte da base de apoio de Lucas Siqueira na Câmara.

É bom registrar que, juntos, Adriana de Paula, Carlão, dr. Marco Antônio, Fabinho Gasolina, dr. Ari, José Renaldo, Salitre e Marly Ávila – somados a Cássio Remis – obtiveram nas últimas eleições quase 10 mil votos.