09/01/2020

Protocolando uma reclamação

Z•E•N
O prefeito Deiró Marra, atento que é, poderia oferecer agilidade a um setor estratégico da prefeitura que desde tempos imemoriais é alvo de várias reclamações: o Protocolo.

Não pela qualidade do atendimento (que é boa) mas pelo horário ‘apertado’ que o serviço é oferecido/disponibilizado à população.

Um exemplo da extensão do problema está na mensagem enviada ontem (08) ao MUOL por um usuário do setor.

“Tem acontecido algumas coisas no protocolo da prefeitura que tem atrapalhado a vida de quem quer trabalhar. A gente chega às 14h30, pega a senha e quando às 16h o atendimento é encerrado. Quem pegou a senha às 14h30, por exemplo, fica sem atendimento. É complicado. Quem trabalha em Escritório tudo bem, tá ali pra isso, chega e fala pro patrão que não foi atendido. Mas e o cidadão comum?” – questionou.

Como registramos, é um problema crônico que desde tempos imemoriais deixa a população irritada.