25/07/2011

PT patrocinense estipula prazo para petistas deixarem guverno 23

Até meados de agosto, o vice-prefeito Fausto Amaral terá que dar ‘adeus, bye bye, so long, farewell’ ao guverno 23. A decisão foi tomada em quorum qualificado durante uma reunião do diretório municipal do PT local, que aconteceu recentemente.

Além de Amaral, outros integrantes do PT que figuram no contexto do guverno 23 também deverão também ‘pedir o boné’. São eles o Chefe de Divisão de Material e Patrimônio Edson Furtado, o Edinho do PT, e a Chefe de Divisão de Planejamento & Gestão, Edméa Marcene.

“Pra que ficar juntando os pedacinhos do amor que se acabou? Nada vai colar.” – sintetizou um representante da militância petista rangeliana.

A ação tem por objetivo principal mostrar que além de não concordar com o estado de coisas que permeia no guverno 23, o PT tem mesmo intenção de disputar o pleito de 2012 indicando o ‘cabeça de chapa’ que, claro, é Fausto Amaral.

Sem clima

A interlocutores, Amaral argumenta que não tem mais ‘clima’ dentro do ‘Refúgio das Tartarugas’. Se antes era da ‘cabeceira’ do prefeito, Amaral agora se encontra relegado a terceiro/quarto plano, sem espaço argumentativo e muito menos poder decisório. Está jogado as traças, por assim dizer.

Mas porém, todavia, contudo e entretanto, nos bastidores, a classe política local está vendo um Fausto Amaral cada vez mais articulador. Vira e mexe (ou mexe e vira) o MAISUMONLINE recebe notícias do vice-prefeito se reunindo com uma miríade de sublideranças políticas locais, visando a articulações para as eleições de 2012.

O objetivo é juntar novamente, de novo e outra vez aquele grupo ‘independente’ que deu a Fausto as condições necessárias para ser vice de Lucas em 2008 para, agora em 2012, coloca-lo dentro da prefeitura como Chefe do Executivo. A campanha política já começou.