17/05/2020

Restaurante é multado em R$ 2.500 por realizar show ao vivo na pandemia

Z•E•N
A apresentação ‘ao vivo’ de um cantor num restaurante local gerou, na noite de ontem (16), uma multa de R$ 2.500 aplicada pelos fiscais da SESTRAN ao estabelecimento comercial, informou a Difusora95.

A iniciativa feriu diretamente o Decreto Municipal de prevenção à Covid-19 editado pelo prefeito Deiró Marra, pois se trata de evento artístico com aglomeração de pessoas.

Desde o dia 17 de março está proibido na terra rangeliana o funcionamento de boates, espaços de festas e eventos, cinema, bem como a realização de shows e apresentações artísticas e/ou teatrais que venham a proporcionar aglomeração de pessoas, mesmo que as mesmas estejam usando máscaras e respeitando outros itens do Decreto.

Não houve a interdição da empresa pelos fiscais, apenas a aplicação da multa. O restaurante continua funcionando normalmente, explicou o titular da SESTRAN, dr Danilo Pereira, ao MUOL.

(Imagem de grupos de whatsapp)