24/08/2009

Reunião vai avaliar autorização para funcionamento do comércio dia 8 de setembro

Até que enfim caiu a ficha… O prefeito Lucas Siqueira, juntamente com a secretária municipal da Fazenda, Edméia Cardoso Marcene, deverá se reunir no final da tarde desta segunda-feira (24) com o presidente da ACIP, Marcos Wendell Frazão.

O encontro vai avaliar a liberação da abertura do comércio no feriado religioso de 8 de setembro, dia consagrado a Nossa Senhora do Patrocínio, atendendo ao pedido de dezenas de comerciários da cidade.

Tudo indica que, se houver bom senso e sensibilidade, a data se torne ‘ponto facultativo’, via decreto, (assim como inclusive sugeriu o maisumonline), com a liberação do funcionamento do comércio.

Na sexta-feira (21), matéria veiculada na imprensa local, de responsabilidade das ACIP/CDL, assustou comerciantes, opinião pública e toda mídia pela postura ditatorial e irredutível das declarações proferidas pela representante do governo municipal.

A nota dizia, “As entidades (ACIP/CDL) receberam da secretaria municipal da Fazenda a informação de que o prefeito Lucas Siqueira (PPS) só pode assinar o decreto autorizando a abertura das lojas nesta data se pelo menos a metade dos associados da ACIP/CDL fizer a solicitação”.

“Portanto, aqueles empresários que têm interesse que sua empresa funcione no feriado do dia 8 devem entrar em contato com a ACIP/CDL pelo telefone 3831-5500 ou pessoalmente até quarta-feira próxima, dia 26 de agosto, e deixar registrado seu pedido. Se o número estipulado pela administração municipal não for atingido as lojas não serão autorizadas a funcionar.”

O maisumonline apurou que esta decisão da secretária da Fazenda foi unilateral, ou seja, não foi comunicada, e por isso, não teve o conhecimento nem contou com o aval aos demais setores do governo 23, ‘Fiquei sabendo de tudo quando li o site do Zelói!’ – disse preocupado um secretário diretamente ligado ao prefeito. Na manhã desta segunda-feira (24) o clima não estava legal na prefeitura.

Segundo informações, um dos intercessores para que essa reunião entre o Executivo e as ACIP/CDL acontecesse foi o vereador do PPS, vice-presidente e líder do governo na Casa de Leis, Alberto Sanarelli.

Preocupado com a situação dos comerciários e com o desgaste que o episódio estava proporcionando ao governo 23, Sanarelli ligou para o prefeito Lucas que imediatamente convocou a reunião. Em breve, mais informações.