19/07/2011

Saída do Seaspa enfraqueceu projeto político de Fabinho Gasolina

Ainda que pese sua dedicação ao setor, o fato é que mesmo após três meses de trabalho na secretaria municipal de Trânsito, Segurança e Transportes, Fabinho di Paulo, o Gasolina, ainda não se adaptou ao setor.

A interlocutores, Gasolina tem comentado sua insatisfação com a nova responsabilidade. Nas entrelinhas deixa escapar uma certa decepção com o *GqRoP.

O trabalho no Seaspa era, digamos, mais amplo e, por isso, mais promissor politicamente para o bom Fabinho. Atendendo a todos sem distinção, Gasolina via seu prestígio aumentar a cada dia.

Ao ser transferido para a SETRANSETRANS, uma secretaria de muito movimento, mas de pouco apelo político, as pretensões eleitorais de Fabinho Gasolina tem aos poucos se esvaído.

Estacionamento rotativo

Segundo fontes, sobre a cabeça de Gasolina paira um temor natural da implantação da ‘Zona Azul’ no hipercentro da cidade. Apesar de ser uma necessidade que ruge e que urge na atual conjuntura mel rangeliana, a cobrança pela vaga de estacionamento poderá aos poucos desgastar o guverno 23 e mais diretamente o comandante do setor.

Atual presidente do diretório municipal do PTB de Betinho Nascimento, Gasolina obteve 815 votos nas eleições de 2008, ficando a frente de nomes expressivos da política local como Alcides Dornelas, Roberto Margari e Wanderley Marra, por exemplo.

Segundo fontes nem isso tem pesado em favor do moço no ‘Refúgio das Tartarugas’, que tem preferido investir em ‘companheiros’ nunca antes testados nas urnas.