07/07/2014

Segundo Arantes, nome ‘Ceu das Artes’ é exigência federal

De uma maneira bastante informal, o secretário de Desenvolvimento Social, Eduardo Arantes, fez questão de elucidar uma dúvida jogada ao ar AQUI pelo MAISUMONLINE.com.br

Durante a coletiva do prefeito Lucas Siqueira com a imprensa na manhã (sem café da manhã) de sexta (04) Arantes explicou o motivo pelo qual a antiga Praça do PAC – batizada em 2013 por um projeto de Lei do ex-vereador Alberto Sanarelli de ‘Praça Mário Alves do Nascimento’ – está sendo chamada de ‘Ceu das Artes’.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Social Arantes, a exigência é federal, “Todas as Praças do PAC construídas pelo Governo Federal devem ter essa nomenclatura. É norma.’ – observou.

Tudo muito bom, tudo muito bem… A norma é federal. Mas convenhamos, o GU23 poderia chegar a um consenso – e usar o bom senso – nesta especial questã. Que tal uma composição tipo ‘Ceu das Artes Mário Alves do Nascimento’. Tá certo ou não..?

Afinal, nunca é demais ressaltar que o sr. Mário Alves do Nascimento era uma liderança política emblemática, querida e respeitada na terra rangeliana nas décadas de 50/60. Foi prefeito de Patrocínio e é pai de Betinho Nascimento, ex-prefeito (97/2000 e 2001/2004), atual vice-prefeito de Lucas Siqueira.

Dentre suas obras, destaca-se a Praça da Igreja Santa Luzia e a Fonte Luminosa sonora, que ainda encanta e embala gerações de patrocinenses e visitantes.