17/09/2007

SILAS BRASILEIRO PODERÁ SE CANDIDATAR A PREFEITO

Pelo menos, é o que o ex-deputado e hoje secretário executivo do MAPA deu (no bom sentido, claro) a entender em sua carta ao colunista Milton Magalhães (do JP) publicada neste final de semana, 15 de setembro, edição nº 1720.

Há algumas edições, o titular da coluna “Para frente e para cima’ fez rasgados elogios ao ‘líder maior’ da administração 2005/2008, comparando-o com Abraham Lincoln, o 16º presidente dos Estados Unidos e um dos maiores estadistas de todos os tempos.

Em agradecimento, Brasileiro redigiu uma missiva relembrando fatos marcantes de sua vida, sua origem humilde, as dificuldades em conciliar o trabalho e o estudo, a transformação em empresário de sucesso e a ligação recebida de Tancredo Neves, convidando-o para se candidatar a prefeito de Patrocínio, no final da década de 80.

Ao final, redigiu, ‘…posso afirmar-lhe que enquanto for chamado para qualquer que seja a missão, quero dizer que estou pronto, dizendo Senhor faça em mim a tua vontade, não sei se para algum outro cargo ou para voltar para casa e retornar para os trabalhos do cotidiano, mas de uma coisa estou certo, jamais faltarei ao seu chamado.”