30/10/2010

Vereador é preso com dinheiro na cueca

Um vereador paraibano foi preso em Cacimbas (308 km de João Pessoa) na noite de sexta-feira (29) com R$ 4.020 na cueca e nas meias e material de campanha de José Maranhão (PMDB), candidato ao governo do Estado.

A Polícia Federal suspeita de compra de votos, porque o vereador, que é do município de Desterro, tinha uma lista com nomes de 212 eleitores e cálculos numéricos.

De acordo com a PF, ele foi preso em flagrante pela Polícia Militar e tentou subornar os policiais.

O vereador, que não teve o nome divulgado, responderá por crime de compra de votos e corrupção ativa. Ele está preso no presídio de Patos.

Folha On Line